terça-feira, 27 de abril de 2021

História Do Depeche Mode : Strangelove (Single)

Hoje na História do Depeche Mode (27 de abril de 1987):
Data de lançamento do single de Strangelove, no Reino Unido.


"Strangelove" é o décimo oitavo single do DM, é a primeira faixa extraída do album "Music For The Masses". 
Um grande sucesso pelo mundo :
Alcançou o número 16 no UK Singles Chart, número 2 na Alemanha Ocidental e na África do Sul e foi um sucesso de Top 10 em vários outros países, incluindo a Suécia e a Suíça. Nos Estados Unidos alcançou o número 76 na Billboard Hot 100 e foi o primeiro dos 9 número 1 nas paradas de dance, onde permaneceu por três semanas no topo.
A versão original de "Strangelove" é uma faixa pop acelerada. 
Embora bem sucedido, isso não parecia se encaixar com a música para o estilo mais sombrio do Music For The Masses, então Daniel Miller fez uma versão mais lenta que se tornou a versão do álbum.
 Alan Wilder, na seção de Perguntas e Respostas de seu site Recoil, escreve que a banda sentiu que a versão single era "muito desordenada" e foi a razão pela qual o remix de Miller foi encomendado. Miller expôs sobre isso no DVD documentário "Music For The Masses", afirmando que ele achava que a versão original do single era muito complicada e se beneficiaria de ser simplificada.
Foi remixado pelo Bomb the Bass e lançado novamente como um single nos EUA como "Strangelove '88", finalmente alcançando o número 50 no Hot 100.
B-Sides:
Há dois B-Sides para "Strangelove", ambos instrumentais. 
"Pimpf" é um instrumental escuro que é principalmente piano, em homenagem a uma revista das organizações da Juventude Hitlerista. "Pimpf" mais tarde aparece como a faixa final de Music for the Masses. Há também um remix disponível em alguns lançamentos individuais de "Strangelove" chamados "Fpmip" ("Pimpf" ao contrário).
O segundo instrumental é "Agent Orange", em homenagem ao herbicida usado na Guerra do Vietnã. 
No final da música, você pode ouvir algum código morse. Rumores dizem ser "Se alguém pode ouvir isso, por favor me ajude". "Agent Orange" mais tarde aparece como a primeira faixa bônus na versão CD/Cassette do Music for the Masses.
Remix Promocional Raro :
A versão "Strangelove (The Fresh Ground Mix)" – 8:14 (remixed by Phil Harding), não entrou em single nenhuma das versões comercializadas da banda, ficando restrito apenas a itens promocionais, provavelmente pelo uso do sampler de Word Up! do Cameo, que não foi creditado.
Essa versão é um "B-side" para o promo de "Blind Mix" (Dance Bong13)
Videoclipes :
O videoclipe de "Strangelove" foi dirigido por Anton Corbijn e aparece no vídeo Strange e The Videos 86>98. 
Filmado no Super 8 e monocromático, o vídeo vê a banda em vários locais de Paris, quartos de hotel e em um estúdio posando em frente a um cenário rolando. 
O live action é combinado com sequências curtas de animação de stop-frame. 
O vídeo também é estrelado por duas modelos de cueca (uma delas era namorada de Anton Corbijn), além de pedestres que passavam, destaque na sequência de encerramento 'out-takes' de fotos de edição rápida. 
Nos EUA, a MTV se opôs a algumas das imagens mais reveladoras dos modelos e o vídeo foi editado para substituí-los por imagens da banda.
Havia também um vídeo dirigido por Corbijn para "Pimpf", exclusivo do vídeo Strange, que apresenta David Gahan, Alan Wilder e Andrew Fletcher gritando um para o outro e sincronizando com o canto sintético, enquanto Martin Gore toca a música em um piano. 
Mas é Wilder quem toca piano em todos os piano-instrumentais da banda de 1987 a 1990, bem como "Somebody".
Em 1988, outro vídeo de "Strangelove" foi lançado para a versão do álbum. 
Foi dirigido por Martyn Atkins, que fez fotografia para álbuns anteriores do DM. 
Não foi lançado publicamente em nenhum videocassete ou DVDs até o DVD The Videos 86>98+ em 2002. 
Este vídeo é muito mais simples do que o original, e apresenta a banda se apresentando dentro de um local de paisagem urbana (Casa do Senado, a sede federal da Universidade de Londres).
Outras aparições e versões.
Em 1988, juntamente com a faixa "Nothing", uma nova mixagem da canção atingiu as paradas de dança americanas e em 7 de setembro de 1988 a banda tocou "Strangelove" no MTV Video Music Awards nos EUA.
Samplers :
"Strangelove" foi sampleado nas canções "Life Ain't a Game" de Ja Rule, "I Won't Be Crying" de Infernal, "Fuck You Blind" de Kid Rock e "Point of View" de Samantha Mumba.
Covers :
Em 1994, o músico italiano Savage fez um cover da canção para seu álbum Strangelove.
Northern Kings, regravou essa faixa, para o álbum Rethroned de 2008 deles.
"Strangelove" foi gravado por duas bandas para o novo perfume da Gucci nas Campanhas publicitárias entre 2010-11: 
Friendly Fires for Gucci's Guilty For Her em 2010 e Bat for Lashes for Gucci's Guilty For Him perfume advert, exibido em 2011.
Ambas as músicas foram lançadas como downloads gratuitos de mp3 da página da Gucci no YouTube e vários blogs.
"Strangelove" foi executada pelo Bat For Lashes durante suas aparições em junho de 2011 no Sydney Opera House Concert Hall para o festival anual de artes/entretenimento/música 'Vivid Live'.
Em 2011, o DMK, banda do colombiano e fan Dicken Schrader e seus filhos Milah e Korben, fizeram um cover tocando brinquedos e utensílios comuns como instrumentos musicais.
Aqui, algumas de suas edições "diferentes":
Cd Single :




7'' Single :





7'' Single Colorido :




12'' Single :



12" Colorido Marmorizado:



12'' Limited Edition :




12'' Promos :





Cd Single Relançamento :




New Release :

Propaganda e outro poster :


Clipe 1987 :

Clipe 1988 :



E a numeração do single é "Bong13" !
Essa é a relação, entre Bong13 e JeanBong13. 
Pois na época do lançamento, fiquei alucinado pela música e pela quantidade de singles diferentes que existiam...

Faith & Devotion !!!
JeanBong13




Nenhum comentário:

Postar um comentário