quinta-feira, 29 de abril de 2021

História Do Depeche Mode : Shake The Disease (Single)

Hoje na História do Depeche Mode (29 de abril de 1985):
Data de lançamento do single de Shake The Disease, no Reino Unido












“Shake the Disease" é o décimo terceiro single da banda Depeche Mode. 
Gravada no Hansa Mischraum em Berlim, a música foi lançada em 29 de abril de 1985 e não está presente em nenhum álbum de estúdio, porém foi inclusa na compilação The Singles 81-85 juntamente com "It's Called a Heart". 
A versão americana de The Singles 81-85, chamada Catching Up with Depeche Mode, também apresenta a música lado B de "Shake the Disease", intitulada "Flexible".
A canção era prevista para ser inclusa no então próximo álbum da banda Black Celebration, o qual foi lançado pouco menos de um ano depois, porém ela ficou pronta muito antes e a banda decidiu fazer uma compilação de singles para poder lançar a música antecipadamente.
O videoclipe da música foi o primeiro video do Depeche Mode a ser dirigido por Peter Care e apresenta um truque de câmera inovador que faz com que os membros da banda pareçam estar caindo.


A estação de rádio de rock moderno KROQ, de Los Angeles, nomeou "Shake the Disease" a música número um de 1985.
A frase "I've got things to do, and I've said before I know that you have too" é possivelmente uma referência à canção "Stories Of Old", do álbum do Depeche Mode, Some Great Reward de 1984, a qual contém a frase "I've got things to do/You have too/And I've got to be me, you've got to be you".
Seu som segue uma linha industrial, mas de tonalidades mais escuras e sombrias, com os teclados em um tom mais grave. 
A letra muito melancólica nos fala sobre altos e baixos nas relações de casal.
O membro da banda Alan Wilder sentiu que essa música capturou a essência da banda, afirmando que "há uma certa vantagem no que fazemos que pode fazer as pessoas pensarem duas vezes sobre as coisas. Se tivermos uma escolha entre chamar uma música de "Understand Me" ou "Shake the Disease", vamos chamá-la de "Shake the Disease". Há muita perversidade e insinuações em nossas letras, mas nada direto."



Single do álbum The Singles 81-85
Lado B: “Flexible"
Lançamento: 29 de Abril de 1985
Formato(s): Vinil (7" e 12"), CD Single (1991 box set)
Gravação: 1985
Gênero(s): Synthpop, Dark Wave, New Wave ("Shake the Disease")
Post-punk, alternative rock, punk rock, dance-rock ("Flexible")
Duração: 4:48 (7"/single/album version)
3:59 (Fade)
8:46 (12" version)
Gravadora(s): Mute Records
Composição: Martin Gore

Produção: Depeche Mode, Daniel Miller e Gareth Jones

Texto : Enock Neto e JeanBong (Complementos)
Faith & Devotion !!!
JeanBong13

Nenhum comentário:

Postar um comentário