quarta-feira, 30 de outubro de 2019

História Do Depeche Mode : Martyr (Single)


Hoje na História do Depeche Mode (30 de outubro de 2006):
Data de lançamento do single de Martyr, no Reino Unido.
"Martyr" é o 45º single do Reino Unido, para o Depeche Mode.
Foi lançado como um single inédito para promover o álbum de compilação de hits da banda, The Best Of, Volume 1.
O single foi lançado em 30 de outubro de 2006 em três formatos: CD single, CD maxi e DVD single. Houve também uma edição limitada em 7'' Picture Disc e um 12'' single (L12BONG39).
A canção, originalmente intitulada "Martyr for Love", é uma sobra de estúdio do album "Playing The Angel". A canção foi mencionada em um dos Fletchcam Vídeos (onde pode ser levemente ouvida tocando no fundo), e foi mencionada em entrevistas. O programador Dave McCracken disse que foi considerado pela banda como o primeiro single para o "Playing the Angel", mas não a lançaram devido ao seu som pop, quando comparado com outras faixas do álbum.
O single tornou-se o 35º do Depeche Mode a chegar ao Top 20 do Reino Unido.
Um vídeo estava sendo dirigido por Andreas Nilsson, que teria sido contratado porque Dave Gahan ficou impressionado com seu vídeo para The Knife's "Silent Shout". O vídeo foi feito em Gotemburgo, Suécia, e os membros do grupo não aparecem nele.
A banda posteriormente rejeitou este vídeo, que foi substituído por uma montagem de vídeo lançada em 8 de outubro de 2006 e dirigida por Robert Chandler, em que Dave Gahan aparentemente canta a canção, esta sendo alcançada pela sucessão de clipes curtos do Depeche Mode em que Dave quer dizer as palavras apresentadas na letra de "Martyr", o que significa que seus lábios se movem de forma semelhante as palavras das letras que estão sendo ditas. O clipe não aparece no DVD em sua compilação Best Of.
Sendo lançado na época, no formato "Dvd Single".










Martyr foi a faixa inédita, para a coletânea : The Best Of (Volume 01), lançada em 13 de novembro de 2006.
Excelente Coletânea. 
Faith & Devotion !!!
JeanBong13

Nenhum comentário:

Postar um comentário