quinta-feira, 30 de julho de 2020

História Do Depeche Mode : I Feel Loved (Single)

Hoje na História do Depeche Mode (30 de julho de 2001):
Data de lançamento do single de I Feel Loved, no Reino Unido.









"I Feel Loved" é o segundo single do álbum Exciter. 
Em 2002, a canção foi indicada para dois Grammy Awards. Um para Melhor "Best Dance Recording" e o Remix de Danny Tenaglia para Best Remixed Recording, mas perdeu para Janet Jackson "All For You" ; e para o remix de Deep Dish da Dido "Thank You".
O vídeo tem o Depeche Mode se apresentando em um clube. 
O cenário é de um ambiente quente e suado. 
O clube é abordado por um conjunto de policiais K9, com cães latindo e com raiva (para que propósito não está claro). 
A segurança do local só sorri e deixa os policiais passarem. 
O público parece desconhecer os cães que se agarram e rosnam – e os cães lentamente cedem a um temperamento amoroso, lambendo aqueles que prestam atenção a eles. 
Isso parece sugerir que o clube está cheio de amor e afeto a todos que lá entram.
Há vídeos remix de Dan-O-Rama, uma versão longa, e uma versão curta. 
As duas versões remix são compostas de imagens de produção modificadas do vídeo original (que não são disponíveis até hoje, em material da banda).
A versão original não foi lançada em um vídeo público até que The Best Of: Volume 1 foi lançado em 2006. 
Uma versão usando a "Danny Tenaglia Radio Edit" da canção também existe, mas foi retirada do site oficial e o esforço da gravadora para promovê-la foi descartado.
O single limitado do Reino Unido (LCD) é enhanced; com quatro videoclipes da banda (desde a gravação do álbum, uma sessão de fotos de Anton Corbijn, e o "Making Of" do clipe de Dream On), uma imagem de papel de parede e uma interface animada.
Este foi um dos títulos mais fortes, em relação aos remixes disponíveis. 
Para ambos : I Feel Loved, e Dream On, a gravadora dos EUA teve concursos de remix na internet. 
Das centenas de remixes apresentados, a gravadora fez algumas compilações de CD-Rs das melhores mixagens para dar à banda (bem como para uso interno). 
A maioria desses remixes ainda não viram a luz do dia, oficialmente. 
Um remix : NYC Remix, foi feito pelo remixer Peter Rauhofer (Club 69) e apareceu em um "White Label" não autorizado.
The BRAT Mixes para I Feel Loved; foram remixes comissionados, mas não foram usados.
Excelente faixa dançante, com muitos remixes e promos !!!
Para o album "Exciter", um ótimo disco, apesar de ser meio incompreendido pelos fans.
Faith & Devotion !
JeanBong13

Nenhum comentário:

Postar um comentário